Publicado em

jardim de mim

descobri que sou planta,

que vivi muito tempo plantado

no vaso

na sombra de um apartamento,

e há pouco replantei-me

no sol

de um quintal de casa.

 

E a luz

tem me visto

cresço tanto mais por isso;

muitas folhas já me caíram

e o vento que

sopra sussura:

“em pouco tempo

há de florir”

 

Anúncios

Sobre Ricardo Elia

escultor de pensamento.

Uma resposta para “jardim de mim

  1. Bruna Cataldi ⋅

    senti você nessa, senti muito de mim também
    te amo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s